Cinema
Documentários

 

SINOPSE

A ausência de um levantamento antropométrico do povo brasileiro tornou-se uma lacuna e a fonte principal de uma infinidade de problemas e dificuldades enfrentadas diariamente pela população.

Na indústria de confecção, a inexistência de uma tabela com as medidas específicas da anatomia brasileira, leva ao emprego de moldes importados para o corte das roupas. Moldes estes baseados em proporções físicas diferentes das nossas. O resultado é um número extremamente alto de bainhas, pregas e outros consertos, para que as peças possam ser vestidas, com enorme desperdício de material e tempo.

Em outros setores, o brasileiro vê-se obrigado a adaptar-se, às vezes a duras penas, à máquinas agrícolas, móveis, instrumentos de uso profissional ou cotidiano, que foram desenhados e desenvolvidos para outros povos. O mais surpreendente é que estes equipamentos inadequados são fabricados em solo brasileiro, pelos próprios brasileiros que, não dispondo das referências nacionais, acabam adotando aquelas vindas de fora.

Em países europeus e, especialmente, nos EUA, o levantamento antropométrico é realizado periodicamente, a fim de alimentar com informações atualizadas todos os segmentos da indústria americana: da bélica à de vasos sanitários, passando pela automobilística, moveleira, de confecção, de talheres, entre tantas outras.

A situação envolve aspectos de saúde pública. No entanto, a pior conseqüência é verificada na economia ao afetar consideravelmente o desenvolvimento do país. O fenômeno não se restringe ao Brasil e se estende a todas as nações periféricas, o que naturalmente realça o viés econômico da questão.

 

Visite o site oficial do filme: www.foradofigurino.com.br

 

Estreou em Março de 2013.

40n.jpg41n.jpg42n.jpg43n.jpg44n.jpg45n.jpg46n.jpg47n.jpg48n.jpg49n.jpg50n.jpg